Justiça acata nova denúncia contra trio de canibais

- Acusados devem ir à júri também pela morte de Jéssica Camila, em 2008 -


A Justiça recebeu nova denúncia contra os três acusados de esquartejamentos em série e canibalismo. Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, Isabel Cristina da Silveira e Bruna Cristina Oliveira da Silva, que devem ir à júri popular pelas mortes de duas mulheres em Garanhuns, também foram denunciados pelo Ministério Público após a Polícia Civil concluir que eles foram os responsáveis pela execução e ocultação do cadáver de Jéssica Camila da Silva Pereira, em 2008. 

O inquérito foi concluído no mês passado, quando foi enviado ao MPPE. Após parecer, a juíza Maria Segunda Gomes de Lima, da Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Olinda, analisou o caso e aceitou a denúncia em todos os termos. A defesa ainda pode recorrer. Depois disso, deve começar a fase de audiências, para só então ser marcado o júri popular. 

O trio de canibais, como ficaram conhecidos internacionalmente, são acusados de assassinar e esquartejar mulheres. A carne humana das vítimas ainda servia de alimento para o trio e também para o recheio de salgados, como coxinhas, que eram vendidos em Garanhuns. Os três seguem detidos em unidades prisionais do estado. Eles confessaram até nove homicídios, mas a polícia só conseguiu comprovar a materialidade de três. 

Cronologia do caso

11 de abril - Polícia encontra na casa do trio suspeito, em Garanhuns, restos mortais de duas mulheres enterrados no quintal. Os corpos foram esquartejados

12 de abril - Isabel Pires confessa que, além de comerem a carne humana das vítimas, vendiam salgados recheados com os restos mortais das mulheres

13 de abril - Na cadeia, Bruna de Oliveira diz que não vai comer no almoço, pois está acostumada a se alimentar apenas de carne humana. É isolada das outras presas

14 de abril - Os corpos de Giselly Helena da Silva e Alexandra Falcão da Silva são liberados do IML e sepultados. O material genético foi colhido para exame de DNA

15 de abril - Polícia tem conhecimento de um vídeo em que Isabel e Jorge Beltrão aparecem contracenando em cenas de mortes e canibalismo

16 de abril - Polícia anuncia megaoperação para investigar as possíveis mortes de mais 5 mulheres e para encontrar o corpo de Jéssica Camila Pereira, morta em 2008

17 de abril - Suspeitos são levados ao Grupo de Operações Especiais no Recife para colaborar com as investigações para encontrar os corpos de outras possíveis vítimas

19 de abril - Polícia faz novas escavações na casa onde viviam os canibais em Garanhuns em busca de outros corpos, mas não encontra nada

21 de abril - Polícia encontra ossos na casa onde os canibais viviam em Rio Doce, Olinda. Os restos mortais, que podem ser de Jéssica Camila, foram encaminhados para exames

10 de maio - O juiz da 1ª Vara Criminal de Garanhuns, José Carlos Vasconcelos Filho, recebe denúncia do MPPE sobre a morte das duas mulheres em Garanhuns. O trio tem a prisão preventiva decretada e passa à condição de réus

Raphael Guerra - Diario de Pernambuco
Publicação: 11/07/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você tambem vai gostar de: